Tema de Redação: Futuro dos Movimentos Sociais no Brasil

Hoje em dia é muito comum ouvirmos falar em Movimentos Sociais. Os meios de comunicação estão sempre noticiando a respeito de um ou outro Movimento Social. Mas o que são Movimentos Sociais, o que desejam, porque surgem, como são formados? Os Movimentos Sociais estão presentes em toda a história da humanidade. Devemos compreendê-los como um fenômeno inerente aos processos de mudança, pois são resultados de um “conflito”, que gera, consequentemente, mudanças no funcionamento da sociedade.

Geram conflito porque, indivíduos ou grupos que não estão de acordo com determinada situação, buscam maneiras de modificá-la. Então, o Conflito é o primeiro elemento formador dos Movimentos Sociais. Mas por que chegamos a estes conflitos? Porque existe uma incapacidade do Estado em atender às necessidades da sociedade civil, o que leva à carência que gera consequentemente o conflito.

✔ Fique atento a Como os jovens encaram a mídia e como se inserem no mundo da comunicação

É preciso também que grupos sociais que se sintam prejudicados de alguma forma se unam afim de alcançar seus objetivos. A esse elemento chamamos de Ações Coletivas. Também é importante saber que os Movimentos Sociais possuem uma relação de conflito com o Estado, pois este deveria dar os meios possíveis para que a sociedade civil possa trabalhar, instruir-se e com isso, viver dignamente. Por isso, o terceiro elemento, a Ideia de Poder, ou seja, existem forças contrárias nesta relação existente entre os Movimentos Sociais e o Estado. Um deseja modificações, mudanças, o outro não.

Um Movimento Social só se faz ser ouvido quando este tem uma proposta, ou seja, os objetivos que este movimento deseja alcançar, por isso a necessidade do Projeto. A Ideologia também é um elemento importante para os Movimentos Sociais, pois ela reflete a visão de mundo que os grupos sociais que fazem parte deste movimento possuem, que perspectivas que mudanças eles querem, em que mundo eles desejam viver.

Por último, e não menos importante, a Organização do movimento, é muito importante, pois ela é a estrutura do movimento: quem faz o que dentro do movimento, a divisão de tarefas, que ao mesmo tempo organiza, mas também faz com que as pessoas que compõem o movimento se sintam parte dele.

✔ Confira qual a maior ameaça ao poder nos EUA.

A cada ano surgem mais Movimentos Sociais, pois o Estado mostra-se incapaz de satisfazer as necessidades de diversos grupos sociais. É uma infinidade de grupos que refletem o descaso do Estado para com eles. Ou é o preconceito, o desemprego, à falta de moradia, salários defasados, descaso com o meio ambiente, com a criança, com o idoso, com à educação, saúde. As necessidades são inúmeras, mas mais do que nunca, a sociedade civil se organiza para conseguir o que é seu por direito e foi negado durante muito tempo.

A mobilização da sociedade civil é muito importante para nos fazermos escutar. Mas, para isso, se faz necessário percebermos quando somos oprimidos e por quem, pois podemos dirigir nossos descontentamentos, nossas frustrações para o lugar errado, atingindo quem é tão vítima quanto nós.